RUI PORÃO

Eu entrei numa briga alheia e acabei sendo esculhambado pelo ex-vereador Rui Porão. Eu comentei a nota publicada por Justino e defendi o direito que temos de comentar e relatar acontecimentos da cidade, e convidei os blogueiros para que todos denunciemos qualquer forma de intimidação. Pois bem, o ex-vereador disse que eu não tenho caráter. Quanto mais eu rezo, mais assombração me aparece.

Eu fiz um comentário e espero que ele publique, enquanto isso, espie, clique no link abaixo e veja o que ele escreveu.

http://blog-doporao.blogspot.com/2009/10/o-professor-isnande-barros-faz-uma.html

2 Response to "RUI PORÃO"

  1. Rui, quem te acusa é o Justino e não eu. Você leu, mas entendeu mal.
    Eu defendo o direito de falarmos e respodermos pelo que falamos, e
    Justino reponde pelo que fala e eu respondo pelo que falo e escrevo,
    agora intimidação não cabe mais nos dias de hoje. Você foi acusado
    por ele, não por mim.
    Quanto à imputação que você impõe a mim de ser invejoso, você realmente não me conhece.
    Quanto às críticas que você fez ao governo do PT, do qual fiz parte e não me arrependo,
    você poderia ter feito críticas no decorrer do governo e onde você estava?
    Para esclarecer, eu sou concursado e minha esposa também, não preciso barganhar
    cargos na prefeitura.
    Sobre aquela reunião em seu gabinete, onde decidimos convocar os
    partidos de oposição, a decisão de participar ou não de qualquer
    aliança não pertence ao presidente, mas ao partido. Eu participei
    de várias reuniões onde defendi uma aliança de todos os partidos,
    mas o PT decidiu marchar com candidatura própria e eu apoiei,
    claro a decisão da militância.
    Quanto às licitações que você venceu, parabéns.
    Sucesso na sua vida pessoal e profissional.
    Agora eu sinto falta daquele Rui Porão que em entrevista
    ao jornalista Conor Farias, ainda no começo do governo Madeira,
    disse que não daria trégua ao governo tucano e que teria muitas
    denúncias para publicar. Espero que você aproveite o seu blogue
    e faça todas aquelas denúncias que você disse possuir.
    Fico agradecido, pela publicação da minha resposta.

    MINHA RESPOSTA, ESPERO QUE O
    EX-VEREADOR PUBLIQUE.

    BLOGUEIRO DE IMPERATRIZ says:

    Professor,

    Em e-mail enviado a Rui Porão disse-lhe exatamente o teor do seu texto. Questionei-lhe que você não merecia ser acusado da falta de caráter. Caráter esse - sou testemunha - da contribuição na formação de centenas de jovens que tiveram a oportunidade de privar da sua companhia nas atividades de trabalho.
    Veja só, disse (a Rui Porão) que ao contrário, o trabalho dele é puramante mercantilista. E o que ele respondeu? Que se orgulha e coisa e tal. Trabalhar todos nós trabalhamos e isso não é motivo de orgulho. É obrigação! Rui Porão não entendeu que motivo de orgulho é o que fazemos do nosso trabalho, por exemplo: respeito ao companheiros e sobretudo, às mulheres; mais além, o que fazemos com o nosso trabalho, por exemplo, a integração à comunidade, de maneira que possa gerar participação e benefícios.
    Quanto a questão política, mais óbvio que a questão partidária, lembrei-lhe, que havia motivos para Jomar Fernandes não acreditar na primeira pesquisa apresentada, vez que havia sido mostrada a outros antes, fato esse, questionado à época, pelo próprio Ruy Porão.
    No cerne da questão, Ruy Porão não entendeu a defesa da causa por você patrocinada quando convidou a todos a não se intimidarem, silenciarem em favor dos "boquirrotos" da vida. Ele jamais entenderia. Não faz parte da lide dele. O homem não sabe o que é sonhar, menos ainda apreciar o deleite de sonhar o sonho.
    Como vereador, o maior ato de rebeldia dele foi não comparecer ao referendo das armas. Preço que ele pagou com o registro de sua candidatura cassado. Imagina? Um homem que "está" público não saber do seu dever em cumprir uma obrigação mínima. É péssimo, não? Pois é, isso é caráter.
    Bem lembrado, professor, muito bem lembrado, esse detalhe de onde estão as provas que ele dizia ter contra o governo de Sebastião "Mandacaru" Madeira, por conta de um certo trator alugado e dos aluguéis para cobrir salários na SEDES.
    Denúncias, bah! O tempo as leva. Nesse caso, não são varridas para debaixo do tapete, mas carregadas para o porão da consciência de cada um.

    Continue sendo o Isnande Barros que você é.

    Abraços e vamos em frente.

    Blogueiro de Imperatriz
    blogueirodeimperatriz@gmail.com

Tecnologia do Blogger | WordPress by Newwpthemes | Converted by BloggerTheme