PED 2009

A disputa pelo comando do DM do PT, que ocorrerá no próximo domingo será muito intensa. Dois grupos se formaram e se articularam visando comandar o partido em 2010 e 2011. Visitas, reuniões, planejamento da ação de cada grupo e muita conversa "de pé de orelha", para tentar convencer os filiados aptos a exercerem o sagrado direito do voto. Espera-se um comparecimento recorde, em função da polarização entre as duas chapas - nas últimas eleições sempre houve consenso em torno de um nome. A votação ocorrerá na sede do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Imperatriz, situado à Rua João Lisboa, entre Alagoas e Sergipe.
Para se preceber o grau de acirramento, transcrevo um trecho da declaração de voto do dirigente petista Jonas Alves : "... o companheiro ANDRÉ SANTOS é o melhor candidato para presidir nosso partido, que precisa de um presidente que tenha história de luta, competência intelectual para travar debates de interesse de nossa cidade, que motive nossa militância a caminhar e que acima de tudo tenha coragem de colocar nosso partido no centro da discussão política de nossa cidade".
O espaço de divulgação fica garantido para os componentes da outra chapa defenderem seu candidato e apresentarem a defesa de voto.

4 Response to "PED 2009"

  1. Eetvaldo Lima says:

    Caro Isnande, o governo bionico de Rosegana Sarney esta promovendo um "GINCANA", enganando os jovens para se promover e lavar dinheiro.
    Porem qdo uma professora questiou o Sr. Geovane de Pinho sobre a estrutura acomodar os professores no dia do evento, ele disse que nao era um evento do GOVERNO. Porém
    a diretora da escola que eu trabalho Rdo Soares da Cunha, disse que o professor que nao for
    para a Gincana, tera suas faltas descontadas no contra cheque.
    Mais uma vez eles tentam intimidar
    os professores com ameaças.
    Divulgue no seu Blog, tambem estou divulgando no meu.
    etevaldobatata.blogspot.com

    Anônimo says:

    Por que voto André Presidente do PT

    Milito na política de Imperatriz há dezesseis anos, falo da política como um todo, de discussão social, de construção de projeto e de defesa de um ideal que enfrente as mazelas do país, e me orgulho de ter sido forjado nas fileiras da Pastoral da Juventude. Ao mesmo tempo pude observar que não é somente neste espaço de militância que devemos atuar para este fim, mas atuar de forma direta e objetiva nas instâncias constitucionalmente legais que são os nossos Partidos Políticos. Filiei-me, portanto no Partido dos Trabalhadores de Imperatriz em mil novecentos e noventa e oito (1998), a luz de minha atuação enquanto Igreja, convencido que era o PT que se convergia com meus ideais construídos durante toda minha caminhada de movimento. Foi nesse percurso que encontrei diversos companheiros que me clarearam ainda mais meu olhar sobre a sociedade e sobre as políticas que deveríamos lutar para termos uma vida mais digna e humana consequentemente. Tive a oportunidade de conviver dentro do movimento de Pastoral com meu companheiro André Santos, sempre engajado, atuante na discussão, identificado também com a cultura (teatro) e acima de tudo comprometido com nosso ideal, que foi sempre a defesa dos direitos humanos, foi destaque, contribui muito com nossa caminhada. André ingressou em seguida no movimento secundarista se tornou liderança, atuou fortemente na luta a favor dos estudantes do ensino médio, chegou à faculdade onde imediatamente conquistou seu espaço natural que seria a luta por uma universidade pública melhor e se tornou presidente do DCE da UEMA. É sem dúvida uma trajetória de lutas, até chegar ao Partido dos Trabalhadores, com seu jeito sempre tranqüilo, mas atuante e de bom raciocínio ocupou a secretaria de Juventude é nesse período que dezenas de jovens sejam do movimento estudantil secundarista, universitário ou de igreja se filiam, consequentemente aumentando a participação do jovem na política e principalmente no partido dos Trabalhadores. Já formado em Letras se torna professor de profissão da Rede Estadual de Ensino, e não poderia ser diferente já começa atuar significativamente na luta sindical em defesa dos interesses de sua categoria.
    Faço esse histórico para afirmar que não tenho dúvidas que o companheiro ANDRÉ SANTOS é o melhor candidato para presidir nosso partido, que precisa de um presidente que tenha história de luta, competência intelectual para travar debates de interesse de nossa cidade, que motive nossa militância a caminhar e que acima de tudo tenha coragem de colocar nosso partido no centro da discussão política de nossa cidade.

    Anônimo says:

    continuação...
    Meus companheiros, minhas companheiras, esse é um momento rico de nossa caminhada, vamos viver uma disputa sem necessidade, nosso partido nessa conjuntura não precisaria passar por isso, a unidade nesse momento seria nosso caminho mais coerente. Mas dado este cenário me permito dizer que é preciso sermos ainda mais responsáveis, construir um caminho que nos leve a avançar e não cairmos em um gueto. Na chapa do companheiro André Santos está todos aqueles que construíram este partido ao longo de sua história, que sem nenhum um deprecio cito alguns como, Manoelzinho, Ednalva Lima, Regina Célia, Adilene Ramos, Virgilio Moura, Luis Leite, Jomar Fernandes, Teresinha Fernandes, Paulo Maciel, Professor Magno Urbano, Expedito Barroso e tantos outros que nunca quiseram fazer deste partido em Imperatriz um ambiente pequeno de disputa pessoal. Aproveito a oportunidade para lamentar que companheiros valorosos como nosso único mandatário eleito com o apoio unitário de nosso partido o Deputado Estadual Valdinar Barros não tenha tido esta compreensão política, e que nosso ex-presidente eleito também por unanimidade Adalberto Franklin tenha defendido a tese da disputa e ter lançado meu companheiro Cláudio Johnson que pessoalmente não tenho nada contra, mas que humildemente me permito a dizer que ainda não está em seu momento e que a história por si só comprova isto. Repito é preciso termos responsabilidade com nosso principal instrumento de luta que o nosso valoroso Partido dos Trabalhadores. Sem estes posicionamentos estaríamos depositando nossas energias a outros projetos como a organização e fortalecimento do partido em Imperatriz, eleição de Dilma e principalmente nossa estratégia para as eleições 2010. Mas apesar de discordar do movimento dos companheiros, respeito por viver em um regime democrático e de direitos, principalmente em nosso meio onde prezamos tanto por este conceito.
    É com este pensamento que convoco toda a militância a refletir sobre o destino de nosso partido a comparecer no dia 22 de Novembro de 2010 no Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Imperatriz para fortalecermos nosso PT, votando no companheiro ANDRÉ SANTOS E MANOELZINHO DA CONCEIÇÃO, presidente e vice respectivamente.

    Jonas Alves
    Secretario de Finanças do Partido dos Trabalhadores de Imperatriz.
    Membro da chapa Resistência Petista – André Presidente

    Anônimo says:

    Voto em André pelas suas origens campesinas, pela sua tragetória na escola e na universidade pública, pela sua leitura de sociedade, pelo seu digno trabalho como professor concursado e pela sua história no Partido dos Trabalhadores(tão bem contemplada aqui e no blog de Carlos Hermes).

    Realizações com muita luta ao companheiro André!

    Em tempo: André cá e Dilma lá!!!

    Desejo,

    Borduna de Babaçu Bolchevique

Tecnologia do Blogger | WordPress by Newwpthemes | Converted by BloggerTheme