SUICÍDIO

A ocorrência de mais um suicídio em nossa cidade gerou alguns debates acirrados sobre a temática, ainda mais depois que a Difusora Sul promoveu um debate entre jornalistas e um pastor evangélico, que descreveu o ato extremo "como coisa de quem não tem Deus no coração". A polêmica foi grande, e para completar, um jornalista da cidade escreveu em seu blogue um artigo que ofendeu profundamente a família do jovem. Eu compreendo que em casos assim, a dor da família é tão grande que bastam palavras de conforto, qualquer tentativa de debater a questão e buscar culpados é colocar o dedo na ferida que ainda sangra.

3 Response to "SUICÍDIO"

  1. Arnaldo Junior says:

    Uma pessoa se matar é um fato muito triste,lamentavél e indesejável. Erro, direito de dispor da própria vida, falta de fé ou sofrimento? Qualquer tentativa de explicação não justifica o descalabro causado pelo violento atentado contra a própria existência. E mais triste ainda é constatar q esse mal pode, inesperadamente, atingir a qualquer um de nós, ou a nossos familiares ou amigos!...

    Anônimo says:

    Uma pena que "um analfabeto religioso" use um espaço tão importante (canal de TV) para falar uma tolice "coisa de quem não tem Deus no coração". Quem somos nós para dizer se uma vitima de depressão estava ou não com Deus no coração no momento de seu desespero? Que Deus tenha misericórdia dos tolos e dê conforto aos corações dos familiares desse rapaz.

    Diogo Macedo says:

    O tal jornalista se chama Paulo Negrão e sua postura no blog só pode ser chamada de inescrupulosa. Um absurdo a forma como alguns comunicadores exploram a dor das pessoas com o objetivo único de ganhar "audiência".
    Aliás, mesmo diante de todas as manifestações repudiando sua atitude, o dito jornalista sequer teve a honradez de retirar a postagem.

Tecnologia do Blogger | WordPress by Newwpthemes | Converted by BloggerTheme