BRIGA

Recebo um e-mail de um funcionário da prefeitura relatando mais uma briga ocorrida no seio do governo tucano, a confusão ocorreu na Secretaria de Planejamento Urbano e Meio Ambiente e envolveu o assessor de comunicação Elson Araujo e o apresentador e radialista Justino Filho. A confusão chamou a atenção dos funcionários de outros órgãos. O motivo da briga teria sido a falta de pagamento ao prestador de serviço, que alega ter 6.000,00 Reais a receber. O prefeito Madeira tomou conhecimento do ocorrido e chamou o assessor para obter mais detalhes.

5 Response to "BRIGA"

  1. josé says:

    Ao invés do lema governo da mudança, o certo seria: Farinha pouca meu pirão primeiro. Os caras são tão doidos por dinheiro, que estão vendendo até cortesia dos jogos realizados no Frei Epifânio.

    Mário says:

    Isnande, do Céu!

    Taí que eu quero ver o prefeito Sebastião "Mandacaru" Madeira ter coragem de tirar a "mesada" que o Justino Filho recebe via Opendoor.
    Além da mesada, Professor, funciona assim: - vai viajar? Justino Filho quer passagem e a cara metade vai junto. Justino Filho, viajou, tem que se hospedar. E quem paga? É o preço do serviço prestado. Aquela nota de 100 reais que esse moço colocou na testa durante o debate na Mirante e que desmoralizou o Ildão vai valer quanto ao longo dos quatro anos da Administração da Mudança? Já pensou? Bota dinheiro nissso. Bota ... Coça aí os dedos.
    Quem passou pelo Pescoço's Lanches naquela oportunidade, quando acabou o debate há de se lembrar da cena, estavam lá o Madeira, O Elson Araújo, o Daniel Souza, o Judeuzinho do Jornal O Progresso comemorando. E quem estava lá, além deles, O Justino e sua Lindaura.
    Tem mais, o Elson não aguenta o Justino. Tanto que foi por sugestão dele que a Secretaria de Saúde tem o único repórter setorista da ASCOM, o Francisco Du Valle. É foi Justino Filho quem botou ele lá.
    Fica aí o desafio: o prefeito Mandacaru terá coragem de fazer uma escolha entre seu desmoralizado secretário e Justino Filho. Demita prá ver o tamanho da sujeira que virá a tona.
    - É o dito popular, professor, "quem não aguenta com o pote que não pegue na rodilha".

    Bote quente. Continue abrindo espaço, E acredite, vem aí a mudança. 2013 é logo alí.

    Mário de Souza

    Isnand,
    Isso que o seu leitor Mário comentou não tem nenhum fundamento. Talvez eu seja um dos poucos profissionais de imprensa com maior afinidade com o radialista Justino Filho, mas a indicação de fazer parte da assessoria de COMUNICAÇÃO do município de Imperatriz partiu do assessor Elson Araújo, fato ocorrido em maio do ano passado.
    No inicio deste ano, aconteceu à mudança na Secretaria de Sáude, onde assumiu a Dra. Conceição Madeira, Elson Araújo me chamou em seu gabinete e comunicou que eu estava recebendo a missão de ser o setorista da Secretaria de Saúde. A medida não foi só nessa pasta, vale lembrar que a Secretaria de Educação e a SETRAN também tem setoristas (Shirley/Educação e Silvanete Gomes/Setran).
    Embora seja odiado por muitos, Justino Filho é sim um grande amigo meu, talvez seja isso que fez o seu leitor interpretar dessa maneira. Qualquer dúvida ou esclarecimento, é só entrar em contato.

    Silvio Morais says:

    esse Justino é um escroque, persona non grata, baixo, mal educado, um verdadeiro ogro. Onde chega é falando alto e tratando mal todo mundo. Quem consegue ser amigo ou aliado duma peste dessas? Sei é que o prefeito carrega uma carga pesada, tá entre a cruz e a espada e quem tem 'amigos' como esse ai e Conor Farias não precisa de inimigos. Depois reclamam quando nas rodas se diz que Madeira não tem grupo e só gosta de quem bate no governo e na prefeitura. Os que mais falam mal e batem são os mais bem remunerados. O prefeito deveria cortar esse cordão umbilical e tomar uma posição condizente com o cargo que ocupa. Pesquisem que voces vão saber quanto essas pragas recebem.

    Mario says:

    Isnande,

    Respeito as consideracões do Francisco Du Valle, mas não estou errado. O Justino Filho é uma falastrão e vive apregoando isso, tanto quanto os "benefícios" que recebe do governo do Mandacaru. Aqui em São Luís, no hotel Abeville todo mundo sabe, por causa de uma explosão dele quando ele queria sair do hotel e a conta não estava liberada. O homem explodiu no telefone e depois simplesmente foi embora.

    Mário de Souza

Tecnologia do Blogger | WordPress by Newwpthemes | Converted by BloggerTheme