PASSAGENS

Um programa local de TV abordou um assunto que foi pouco lembrado à época, o aumento abusivo dos preços das passagens de ônibus urbano, concedido pelo prefeito em fim de mandato - gestão 2005-2008. Todos sabemos que aquilo foi um grande golpe no bolso do trabalhador e dos estudantes, e o assunto agora volta à tona em função das eleições que se aproximam. A Câmara Municipal foi omissa, pois aprovou o projeto do prefeito de forma apressada e sem debate. Qual seria o interesse do antigo prefeito, tumultuar a vida administrativa do sucessor ou se vingar do povo que não lhe confiou mais um mandato?
O Grupo do Mal é duro de coração, vingativo e perseguidor.

2 Response to "PASSAGENS"

  1. Anônimo says:

    Fica evidente de que lado os tucanos estão.Da classe média e dos empresários.

    Para o 'resto', cuja maioria é de assalariados,os tucanos não estão nem ai.

    Tão seguindo passo a passo os exemplos de Castelo,Yeda e Serra.

    Ex-tucano arrependido de votar em Madeira.

    Meceno says:

    bom esse assunto posso comentar porque, fui o diretor de transportes da antiga sutran no governo Jomar, em 2002 montamos uma equipe pra monitorar o sistema de transporte coletivo onde levantamos o IPK (Indice de Passageiros por Kilômetro) que resultou na quebra do monopólio da antiga TCI, pois bem, naquela época eles apresentaram uma planilha onde o IPK era muito alto e queriam aumentar de 1,10 para 1,80 nós rebatemos os números porque tinhamos monitorado e com os nossos números a passagem aumentou para 1,30 (preço justo). No governo ildon essa equipe foi disfeita e logo de cara aumentaram pra 1,95 e depois para 2,50 (salvo engano) bom o atual governo tambem não monitora o sistema, dessa forma, a empresa apresenta uma planilha e a PMI e a Câmara vão contestar o quê? é uma pena porque esse descaso está saqueando o bolso do trabalhador que paga em média 5,00 por dia para ir trabalhar. Acorda povo! outubro está chegando.

Tecnologia do Blogger | WordPress by Newwpthemes | Converted by BloggerTheme