PT X PMDB

Recebo uma ligação do Professor Nílson, falando sobre a sua participação no Encontro Nacional dos Bancários realizado em Brasília. A sua preocupação foi com uma afirmação feita pelo próprio presidente nacional do Partido dos Trabalhadores, sobre as alianças para as eleições estaduais em 2010, "a prioridade é a aliança com o PMDB em todos os estados, o diretório nacional trabalhará para a efetivação da aliança que visa a eleição de Dilma presidente", teria dito Ricardo Berzoine.
Para um bom entendedor, meia palavra basta. No caso do Maranhão o DN tudo fará para eleger Washington presidente estadual da legenda e facilitar as coisas para uma aliança com o grupo Sarney - assim o PT indicaria um vice para Roseana. No caso de outro grupo se sair vencedor, pode haver intervenção no diretório estadual do partido e muitos filiados abandonarão a legenda.
Só o fogo eterno!!!

6 Response to "PT X PMDB"

  1. Regina says:

    Só o fogo eterno é ótimo...rsrsrsrs.

    Bote na fila do fogo eterno aí: a estratégia de sucesso que elegeu Jackson, dividir para conquistar, já está sendo orquestrada a favor de Roseana. Está tudo aí para quem quiser ver. Prestenção!

    Ela tem seu Cérbero, coisa que falta aos outros. Os círculos do inferno estão com ocupação garantida!

    Sem fazer juízo de valor, as estratégias dela são irrepreensíveis. Me lembra Churchill que dizia existir só uma coisa pior do que governar com aliados: governar sem eles.

    Qual outro grupo pode afirmar, com certeza, que também tem seu fiel Cérbero?

    Anônimo says:

    Professor, o Nilson saiu do PT? (Ernesto, ex-eleitor do PT)

    Nílson continua, por enquanto.

    jwilson says:

    Se isso acontecer, nossa opção, será o PSDB, e Haja fogo eterno.

    Jorge Furtado says:

    Caro Isnande,

    Este entendimento deve ser só seu, pois o manifesto da tendência liderada pelo Washington diz:"Reiteramos que continuamos a perseguir o mesmo objetivo das eleições de São Luís em 2008. Aliança pela esquerda, com os aliados nacionais de nosso projeto, para que possamos construir uma alternativa viável que atenda às expectativas do povo maranhense. Nesse sentido, não podemos ter como oposição, a exemplo do que ocorreu nas eleições de São Luís e Imperatriz, membros do setor majoritário da atual Direção Estadual do Partido que, desrespeitando decisões tomadas em Encontro, ausentaram-se das campanhas e apoiaram estrategicamente candidaturas tucanas que venceram graças às ingerências do governo Jackson".

    Companheiro Furtado, acho que a aproximação de Washington ao governo Roseana ficou patente na sua chegada ao parlamento federal.
    A opção pela aliança com o PMDB em todos os estados parte do DN.
    Quanto aos renegados que escolheram apoiar o PSDB em detrimento dos projetos petistas, a história fará seu julgamento.
    Abraço.
    P.S. Te espero na reunião de amnahã.

Tecnologia do Blogger | WordPress by Newwpthemes | Converted by BloggerTheme