CHUVA

As chuvas insistem em cair, mesmo no final de abril. Isso não é normal. As estradas do estado estão em situação precária, com vários pontos interditados. Em Imperatriz, ruas alagadas, casas invadidas pela água, muita lama nas ruas e calçadas e muito buraco nas ruas. A situação da buraqueira é inédita, nem nos tempos em que Ildon Marques decretou 2005 como ano perdido, se viu situação igual. A prefeitura já teria gasto 1,5 milhão de Reais na recuperação das ruas e com a limpeza dos riachos. Os buracos fechados em janeiro, viraram crateras maiores em março. Culpa do material utilizado, o asfalto que esfarela. Basta esfregar.

4 Response to "CHUVA"

  1. PROFESSOR VOCÊ SABE NOS DIZER ONDE O PREFEITO MADEIRA ESTÁ COMPRANDO ESSE ASFALTO QUE ESTÁ SENDO COLOCADO NOS BURACOS DE IMPERATRIZ ( EM ALGUMAS RUAS E BAIRROS? NUNCA NA HISTÓRIA DE IMPERATRIZ TINHA SE VISTO UM ASFALTO DE TÃO BAIXA QUALIDADE.SE ESSA FOR A MUDANÇA !!!???ESTAMOS FRITOS.

    Eu testei na Ceará com Bernardo Sayão, basta esfregar com o pé e o asfalto se desmancha.
    E não adianta colocar a culpa na chuva, o material é que não presta.
    Valeu, professor Denis.

    Jorge Furtado says:

    Caro Isnande,

    Eu costumo dizer que São Pedro gosta de desafiar a inteligência dos gestores públicos de Imperatriz, e cada vez aumenta a incompetência, todo ano tem essa história de tapa buracos. Eu conheço cidades que esse problema foi varrido do mapa, é bem verdade que o saneamento básico, este sim é um problema crucial que precisa ser resolvido no nosso país e dificilmente será, não dá votos.

    Um abraço,

    Jorge Furtado.

    Anônimo says:

    Blocos(denominados sextavados, pois possuem seis lados) resolvem por várias décadas nosso problema de inundações de ruas.
    Com apenas 2 sacos de cimento, areia e brita do rio, faz-se 2.000 tijolos por dia (lógico que com 20 sacos faz-se 20.000 tijolos). Aquele número de tijolos absorve 500 litros de água em 30 min.Adeus inundação!!!
    Uma máquina pneumática, formas e 4 operários dão conta da demanda.
    Blocos são mais isolantes térmicos que o betume do asfalto (a temperatura do local declina 4 graus). Podem ser colocados e removidos para instalar rede de esgoto ou de água.
    Eu venho falando disso há duas décadas!!!
    O IPT, com sede na USP,minha universidade de origem, tem as mais diversas alternativas do que eles denominam de enchimento para blocos. Por exemplo cá na região temos palha de arroz que ao ser calcinada concentrará o carbono com sua peculiar dureza.
    Pelo bem dessa cidade e desse povo coloco-me à disposição para dar qualquer informação sobre tal alternativa de calçamento de rua.
    prof.Magno Urbano

Tecnologia do Blogger | WordPress by Newwpthemes | Converted by BloggerTheme