PERSEGUIÇÃO E INTIMIDAÇÃO I

Além de ação movida contra mim pelo superintendente da defesa civil, em que o moço se sente ofendido pelo que aqui foi publicado e pede indenização por danos morais, o governo do prefeito Sebastião Madeira perpetrou também uma ação indireta contra mim: pasmem os senhores, mas a Procuradoria do Município de Imperatriz abriu um processo de demissão do serviço público municipal contra Sidilene Silva Barros, que nada mais é do que Dona Sidinha, minha esposa. Ou seja, estão querendo demitir a minha esposa do serviço público apenas para me atingir. Agora eu vou contar a maior: Sidilene Silva Barros, não trabalha no magistério municipal desde que foi acometida de doença gravíssima, em julho de 2006 e virou uma beneficiária do INSS. Ou seja, tentaram me atingir e falharam feio, foram extremamente incompetentes e me deram a possibilidade de mover uma ação por danos morais contra a PMI, contra o prefeito e contra os dois secretários envolvidos na ação. Isso é determinação sua, senhor prefeito? Ou aquele que tudo deveria ouvir decidiu continuar sua sanha perseguidora contra mim e o senhor não consegue controlá-lo? 

11 Response to "PERSEGUIÇÃO E INTIMIDAÇÃO I"

  1. Ana says:

    Só tenho a dizer que não falta muito para as eleições e esse povo deveria trabalhar mais e perseguir de menos.

    Adalberto says:

    Já constitui advogado, Isnande? O Marcos se ofereceu para patrocinar essa causa.

    Ola Isnande, isso me deixa muito triste. Não era essa a mudança que tanto sonhavamos, e pelo que estou acompanhando isso é só o começo, eu que o diga.

    Costumo não subestimar meus adversários mas esses aí estão se mostrando um bando de baratas tontas. Tá virando moda não terem argumentos para responderem os questionamentos querendo intimidar usando o braço da justiça, sabemos que as leis os ricos protegem mais dêem o mínimo de embasamento para tal.

    Isnande esse governo é covarde e odioso, além da Sidinha veja o que Madeira está fazendo com Silvana Pitol...

    Mas deixestar...O que é dele tá guardado...2012 vem aí...

    Antonio Cleiton da Silva says:

    É só surgir uma brechinha pra atacar ja se junta a panelinha Wilson ET Leite, Rui DOR DE COTOVELO Porão e faltou o Marlon TRANSEXUAL. Voces são mais previsíveis que a hora de almoçar. Nem trabalham mais, só esperando alguma novidade.

    André Santos says:

    Isnande, não é apenas a sua esposa que está passando por esse tipo de situação. A Silvana, funcionária da saúde e esposa do companheiro Pitol, está comendo o pão da perseguição que o diabo amassou com o governo "Muda Imperatriz", de Madeira. Ontem ela me disse que está com salário atrasado há vários meses e que estão fazendo de tudo para humilhá-la e escurraçá-la do emprego que ela conseguiu por mérito, via concurso público.
    Segundo ela me falou, quem está por trás disso é o mesmo psicopata secretário muncipal que estaria perseguindo a Sidinha.

    Gidel says:

    Qual a diferença entre ir fazer manifestação nas ruas da cidade e postar uma manifestação, critica ou elogio num blogue?

    Em Imperatriz tem diferença e está sendo maquiada com o ato chamado PROCESSO, o que na verdade isso quer dizer "CALA A BOCA", uma CENSURA vagabunda e cheia de equívocos... não somos jornalistas, somos cidadãos com direito de expressão.

    Nada pessoal contra o secretário, mas se este é o rumo que a censura local está seguindo, quero que o prof. Isndande me envie os textos para postar tb em meu blog... se com os jornalistas já não é justo, imagine com meros pingos de gente da sociedade civil...

    Toda censura é burra e se não aguenta bebe leite!

    Isnande meu amigo, estamos juntos nessa. O que o governo faz, além de banal, é um ato de desespero. Isso nos motiva ainda mais a desnudar a cortina escusa de uma gestão manca das pernas.

    G.D. News says:

    Toda nossa solidariedade a você meu amigo, pela coragem, garra e determinação, não devemos nos calar enfrente essas feras não tema recorra a nossa fraca e falha justiça, mas não se cale.
    Um abraço desde essa região central do Maranhão.

    Anônimo says:

    "SEJAMOS SENHORES DA NOSSA LINGUA, PARA NÃO SERMOS ESCRAVOS DE NOSSAS PALAVRAS."

    Certa vez, um homem tanto falou que seu vizinho era ladrão, que o vizinho acabou sendo preso.

    Algum tempo depois, descobriram que era inocente. O rapaz foi solto e, após muito sofrimento e humilhação, processou o homem/vizinho.

    No tribunal, o homem/vizinho disse ao juiz: - os meus comentários não causaram tanto mal!

    E o juiz respondeu: Escreva os comentários que você fez sobre ele num papel. Depois pique o papel e jogue os pedaços pelo caminho de casa. Amanhã, volte para ouvir a sentença!

    O homem/vizinho obedeceu e voltou no dia seguinte, quando o juiz disse:

    - Antes da sentença, terá que catar os pedaços de papel que espalhou ontem!

    - Não posso fazer isso, meritíssimo! - respondeu o homem. O vento deve tê-los espalhado por tudo quanto é lugar e já não sei onde estão!

    Ao que o juiz respondeu:

    - "Da mesma maneira, um simples comentário que pode destruir a honra de um homem, espalha-se a ponto de não podermos mais consertar o mal causado".

    "SEJAMOS SENHORES DA NOSSA LINGUA, PARA NÃO SERMOS ESCRAVOS DE NOSSAS PALAVRAS."

    NUNCA SE ESQUEÇA:

    QUEM AMA NÃO VÊ DEFEITOS...

    QUEM ODEIA NÃO VÊ QUALIDADES...

    E QUEM É AMIGO VÊ AS DUAS COISAS...

    E AINDA ASSIM CONTINUA AMIGO!

    (Autor desconhecido)

    Bolg Josué Moura

    Essa é muito boa Fessor!!!!!!!!!

Tecnologia do Blogger | WordPress by Newwpthemes | Converted by BloggerTheme