RESSACA DAS CONVENÇÕES

Depois da "festa democrática" das convenções, das traições, das imposições dos últimos dias, das brigas e das reconciliações tão comuns nesse período, algumas cenas fotografadas pelos partidários de uma ou de outra candidatura tiveram interpretações tão diferentes quanto hilárias. Três casos foram emblemáticos e muito comentados nos blogues e nas redes sociais. Na primeira, Madeira sendo carregado nos ombros por dois correligionários: para os defensores da candidatura madeirista, "foi carregado nos braços do povo" enquanto que para os opositores, "o prefeito foi conduzido pelos seus seguranças." Na segunda foto, um grupo de socialistas "protestava contra a intervenção no PSB local", enquanto que para outros "socialistas que defendem aliança do partido com o atual prefeito, liderados por secretários municipais, fazem baderna em frente ao local da convenção do candidato pedetista." Na terceira, um antigo aliado ildista, aparece abraçado ao atual prefeito, "apoiando a continuidade do desenvolvimento da cidade", na visão palaciana, enquanto que para os aliados do peemedebista, "enquanto sofríamos uma derrota na convenção, ele mudou de lado". Cada qual no seu cada qual.

0 Response to "RESSACA DAS CONVENÇÕES"

Tecnologia do Blogger | WordPress by Newwpthemes | Converted by BloggerTheme